a sabedoria em uma pagina da web

yemanja

01/07/2010 19:43

 Orixá dos mares, das águas salgadas. Responsável pelos bens materiais, grande provedora e mãe. Senhora da Calunga Maior(mar), portanto grande absorvedora de energias negativas.

 
 Traduz a sua vibração em paz e harmonia. Protetora da família, dos laços familiares.
 
 Reino: mar. 
 
Cores: azul claro, céu ou branco transparente. 
 
Elemento: água. 
 
Dia da semana de maior vibração: sexta-feira. 
 
Planeta: Vênus
 
Sincretizada no Rio de Janeiro com N. Senhora da Glória tem o seu dia comemorado em 15 de agosto.
 
Características de seus filhos: dinheiro com facilidade (quando não tem, aparece), não aparentar a idade que tem, "espírito" maternal, gosta do poder.

Conheça um pouco da história

OS CAMINHOS DE YEMANJÁ! A MÃE DE TODAS AS CABEÇAS!

Diz-se na Bahia que há muitas qualidades de Yemanjá

São sete OS "CAMINHOS"as “qualidades” "MAIS CONHECIDAS"de Yemanjá: Mas sabemos que são mais!

1. Yemanjá AWOYÓ:

A primogênita. A mais velha das Yemanjá e um dos mais ricos trajes; usa sete saias para dançar e defender seus filhos. Ela vive distante no mar e repousa na lagoa; come carneiro e, quando sai a passeio, usa as jóias de Olokum e coroa-se com Oxumarê, o arco-íris.

2. Yemanjá OGUNTÉ (Também conhecida por esses nomes OGUTÉ, OKUTÍ ou KUBINI)

É a guardiã de Olokum. É a Senhora da Cor azul anil, mas tb adorna-se com verde mar e prata, está nos arrecifes da costa (porteira de Olokum). Encontra-se tanto no mar, no rio, na laguna, quanto na mata. Yemanjá Ogunté, é mulher do deus da guerra e dos ferros, OGUM ALAGBEDÉ Come (recebe sacrifícios) em sua companhia e os aceita tanto no mar quanto no matagal.Também é esposa de Oxaguiã, Usa capacete, espada alfange (espada da morte), braceletes, tornozeleiras, peitaça e um abebê, que esconde nas costas.Quando guerreia leva pendentes da cintura o facão e as demais ferramentas de Ogum. Ela trabalha muito, é severa, rancorosa e violenta. É uma temível amazona. Senhora do canto mais profundo!

3. Yemanjá MAYALEO ou MAYELEWO:

Mora nos bosques, em um pequeno poço ou manancial, que sua presença torna inesgotável. Nesse caminho, assemelha-se à sua irmã Oxum Ikolé, porque é feiticeira. Tem estreitas ligações com Ogum. Tímida e reservada, incomoda-se quando se toca o rosto de sua iaô e retira-se da festa. Tem vibrações para a coroa de Ogum e Oxóssi.

4. Yemanjá AYABÁ ou ACHABÁ ou SOBÁ

Nesta qualidade, Yemanjá é perigosíssima, sábia e muito voluntariosa. Usa no tornozelo uma corrente de prata. Numa briga com Exú, ela teve sua perna ferida, por isso suas yaôs quase se arrastam em sala, numa primeira manifestação, depois mostram toda sua dança.Seu olhar é irresistível e seu ar é altaneiro. Foi mulher de Orunmilá, e Ifá sempre acata sua palavra e em honra a tal hierárquica entidade, num xirê de Sobá, sempre entra um Oxalá.Para ouvir seus fiéis costuma ficar de costas. Suas amarrações jamais podem ser desatadas. É a senhora do algodão, todos os seus assentamentos são feitos no algodão. Suas filhas costumam ser videntes ou tem o dom da intuição. E uma filha de Sobá, inevitávelmente, trará um Oxalá, por ser ifá, descendente da linhagem de Oxalá.

5. Yemanjá KONLÉ ou KONLÁ:

A da espuma. Está na ressaca da maré; enreda e envolta em um mato de algas e limo. Por ser navegante, vive bem no fundo dos oceanos, também veste azul anil e cristal, não tolera mentiras, tem forte ligação a Exú e a Ogum , usa peitaça, braceletes e uma linda coroa. Também mostra aos filhos os tesouros do mar.

6. Yemanjá AKUARA Ou KAYALA

A das duas águas – Yemanjá na confluência de um rio. Ali encontra-se com sua irmã Oxum. Mora na água doce, gosta de dançar, é alegre e muito correta; Não pratica malefícios. Cuida dos doentes, prepara remédios, amarra abicus.Usa rosa e azul.

7. Yemanjá ASSESU:

É a mensageira de Olokum, a da água turva, suja. Muito séria e trabalhadora.; vai no esgoto, nas latrinas e cloacas. Recebe suas oferendas na companhia dos mortos. É muito lenta em atender seus fiéis, pois conta meticulosamente as penas do pato a ela sacrificado, e caso se engane na conta, começa de novo e essa operação se prolonga indefinidamente.Tem ligação com OMULU, não gosta de perfume, joga-se no chão e se põe a dormir, veste o azul apagado, pálido, também usa o verde cor das algas, não gosta de adornos, e não traz o abeb

.8 .YINAÉ ou MALELÉ Ou YNAÊ MARABÔ É aquela que os filhos sempre serão peixes, também conhecida como MARABÔ, mora nas águas mais profundas , é a Yemanjá que vira um tubarão e arrasta os infiéis para o fundo do mar, ligada a reprodução dos peixes , vem sempre a beira do mar apanhar suas oferendas . Ligada a Oxalá e Exú. Também conhecida como a Yemanjá das conchas, é ela que presenteia seus filhos com os tesouros do mar!!!

ODÔ FIABÁ!

PONTOS CANTADOS

E mikaiá, e mikaiá
Selumbanda selomia
Demama ê o mikaiá
Selumbanda, selomina demama ê
O mikaiá ê
Kevê kevê o mikaiá
Kevê kevê o mikaiá
Mama imbanda, segurimgoma
Keuame, kaiá.
Ê Dandalunda kaimbanda kokê
Ê Dandalunda kaimbanda koke á

Oh Iemanjá, senhora lá do aiê
Oh Iemanjá, venha nos ajudar, oh Iemanjá
Oh minha Mãe Iemanjá, com a sua luz divina
Venha nos ajudar, oh Iemanjá, oh Iemanjá
Rainha das águas sereia do mar, rainha das águas sereia do mar
Oh Iemanjá, oh Iemanjá

Iemanjá, ah doce Iabá, Iemanjá hoje é seu dia que beleza
Salve a sereia do mar
Lá vou eu prá beira do mar
Levar flores prá Mãe Iemanjá
É a minha oferenda a rainha suprema do mar
Venha comigo irmão, vamos à beira do mar
É oito de dezembro, hoje é dia de Mãe Iemanjá
Venha comigo irmão, vamos à beira do mar
É oito de dezembro, vamos todos Saravá

Ô Yemanjá, quando vem rompendo águas
Ô Yemanjá, quando vem rompendo águas
Quando vem rompendo águas Yemanjá
Mas é Sobá
Ô Yemanjá, quando vem rompendo águas
Ô Yemanjá, quando vem rompendo águas
Quando vem rompendo águas Yemanjá
Mas é Sobá

Botei o meu barco n'água pra ver ele navegar
Primeiro eu pedi licença a nossa mãe Yemanjá
Yemanjá
Yemanjá
Ela é quem manda nas ondas do mar...

Yemanjá é a Rainha do Mar
E o povo d'água é a linha de força maior
Yemanjá é a Rainha do Mar
E o povo d'água é a linha de força maior
Ô firma ponto mamãe, ô firma ponto mamãe
No fundo do mar, é ouro só, é ouro só...

Eram duas ventarolas,
Eram duas ventarolas que ventavam no mar
Se uma era Iansã ô êparrei
A outra era Yemanjá, odofiaba.

Fiz um pedido à mãe Sereia, Mãe Iemanjá
para nunca mais errar
Foi na areia, foi na areia
A lua lá no céu
Iluminou nosso lindo mar
A lua lá no céu
Iluminou nosso lindo mar
Sereia, Sereia do Mar
Oi Sereia, Sereia do Mar

Eu vou à Praia-Grande
Eu vou, eu vou
Levar buquê de rosas pra Iemanjá
Vou riscar ponto na areia, vou pedir a Mãe Sereia
Dona das ondas do mar
Que me cubra com seu manto, com a luz do seu encanto,
mil estrelas a brilhar

Eu fui à praia
Saudar Iemanjá
E vi mãe sereia no fundo do mar
Linda aruê
Linda aruá
Rainha das ondas, sereia do mar
Linda aruê
Linda aruá
Rainha das ondas mamãe Iemanjá

Iemanjá rainha das ondas sereia do mar
Iemanjá só canta bonito quando tem luar
Iê, Iemanjá
Iê, Iemanjá
Rainha das ondas sereia do mar
Rainha das ondas sereia do mar
Mas como é lindo o canto de Iemanjá
Faz até um pescador chorar
Quem escuta mãe d’água cantar
Vai com ela pro fundo do mar
Vai com ela pro fundo do mar

Mãe d'água é linda ela linda
Mãe d'água tem capital
Mãe d'água paga a dinheiro
Pra ver nós dois trabalhar

Saia do mar linda sereia
Saia do mar venha brincar na areia
Saia do mar sereia bela
Saia do mar venha brincar com ela

Eu vou levar, vou levar flores pro mar
Eu vou levar
Uma promessa eu fiz
Para deus me ajudar
Meu pedido atendeu
Eu prometi vou pagar

Jogaram uma carga pesada pra cima de mim
Mas eu sou filho de Iemanjá
Não caio assim
Me olharam com os olhos atravessados
Pagaram promessas para atrasar meu lado
Iemanjá rainha do mar
Só ela quem pode me ajudar
Eu tenho minha cabeça feita
Não a mandinga que possa me derrubar
Saravá Oxalá
Não a mandinga que possa me derrubar
Saravá Iemanjá

Hoje é dia de grande Senhora
Da nossa mãe Iemanjá
Calunga ê, ê, ê, calunga á, á, á
Brilham as estrelas no céu
Brilham os peixinhos do mar
Calunga ê, ê, ê, calunga á, á, á

Eu vi um peixe na beira da água
solte os cabelos Janaína e cai na água
Mamãe sereia veio de minas,
está em terra a cabocla Janaína.

O mar estava tão sereno noite de estrelas e luar.
Rosas brancas flutuando,
suave perfume chegando com a brisa que vinha do mar.
E radiante com seu diadema a brilhar.
Iemanjá sorrindo, entoava um canto lindo, caminhado sobre o mar.
O o o o odocia pra nossa mãe sereia , sereia do mar.
Deusa de tanta beleza, mãe do toda natureza, mãe de grandes orixás.
Os orixás têm Ogum, divindade e rei da guerra tem o Senhor Oxóssi,
rei da mata e caçador e do Sr Exu, ele que é dono da terra e grande
trabalhador.

A água do mar rolou,
a água do mar rolou,
a água do mar rolou,
a água do mar rolou!
Saravá a rainha do mar,
saravá nossa mãe iemanjá.
Saravá a rainha do mar,
saravá nossa mãe Iemanjá,
mamãe Iemanjá.

Eu fui a praia saudar Iemanjá,
e vi mãe sereia no fundo mar. (bis)
Linda arue, linda arua,
rainha das ondas sereia do mar. (bis)

Iemanjá Sobá, samba mirere. (bis)
Samba mirere, oi mamãe,
Samba mirere.

Retira a jangada do mar,
mãe d'água mandou avisar
que hoje não pode pescar.
Pois hoje tem festa no mar.
E e e e e Iemanjá,
ela é, ela é a rainha do mar. (bis)
Traz pente , traz espelho,
o o o , pra ela se enfeitar o o o .

Traz flores traz perfume,
que vem da cor do mar.

Iemanjá é uma Deusa,
é uma Rainha,
mas ela é dona das águas do mar
Odoiá, oh doce Iabá
Doce mãe, me ajude a trabalhar

Mãe sereia,
Mãe sereia
me ajude a trabalhar
Quando eu vim passei na areia
Quando vou passo no mar.

Oi Mikaiá, oi Mikaiá, zelombamda, zelombimda de mamãe,
oi Mikaiá, zelombô
Zelomina de Mamãe iê oi Mikaiá ê
Kevê Kevê Kaiá, Kevê Kevê Kaiá
Ô Mamãe de Aruanda segura engoma Kevê Kevê Kaiá

 

 
Voltar

Pesquisar no site

© 2010 Todos os direitos reservados.

Criar loja online grátis Webnode